Interpretação simplificada do processo executivo

No processo simplex não há “causas” relevantes e as coisas têm que se processar de forma acelarada, com prazos curtos. Ninguém precisa de saber se existe alguma razão imprevista, ou alguma causa maior, na origem da inadimplência.

Um método subversivo, uma vez que a realidade é que o executado perdeu o seu investimento devido à crise imobiliária internacional, que foi causada pelos próprios bancos, como todos sabemos.

No final, neste exemplo, como em largos milhares de outros semelhantes, o banco vai ser ressarcido dos seus prejuízos. Mas o cidadão não.

É o que se chama iniquidade.

Para simplificar “Grande Injustiça”.


Posts Em Destaque